O grande desafio da Maratona em menos de 120 minutos pode virar realidade.

No próximo sábado, 6 de maio às 5h45 em Monza, Itália, os atletas Nike Eliud Kipchoge, do Quênia, Zersenay Tadese, da Eritreia, e Lelisa Desisa, da Etiópia adentrarão a pista do autódromo italiano buscando superar a simbólica marca de 2 horas na maratona. O desafio faz parte do projeto Breaking2, lançado pela empresa norte-americana no final de 2016.

O melhor tempo até agora já feito na maratona é de 2h02min57s, alcançado pelo queniano Dennis Kimetto, atleta da Adidas, na Maratona de Berlim de 2014. Ou seja, terão de diminuir aproximadamente 3 minutos do atual recorde mundial, cerca 4 segundos por quilômetro com relação à melhor marca atual na distância.

Embora o evento seja fechado ao público, em um autódromo e não em uma prova oficial, qualquer pessoa com acesso à Internet poderá acompanhar ao vivo nas redes sociais da marca.

A cobertura ao vivo da Breaking2 começará cerca de 15 minutos antes do início da corrida.

Para acompanhar ao vivo acesse:

Twitter: nikebreaking2.twitter.com

Instragram: @nike

Facebook: facebook/nike

 

Fique ligado no fuso horário Brasil x Monza, Itália.

Monza está adiantada em 5 horas em relação ao Brasil.

5h45 de sábado em Monza será 00:45 de sábado aqui.

 

Trailer do documentário feito pela National Geographic

 

Desejamos boa sorte a todos os envolvidos. Iremos acompanhar atentamente.

 

 

Um grande abraço, cuide-se, corra e seja feliz!

Edgar Santana

Créditos: nike.com, ativo.com